O Sindicalista de Paragominas e a Agiotagem

por O Boca de Jambu

Um conhecido sindicalista de Paragominas, cujo sobrenome lembra a cidade dos discos voadores no Pará, está enrolado até o pescoço com a justiça, respondendo a mais de 20 processos. E como se isso já não fosse o suficiente, o sujeito ainda está sendo acusado de usar recursos do sindicato para fazer agiotagem. Ou seja, empresta dinheiro dos sindicalizados e cobra juros absurdos. E a grana, tanto dos empréstimos quanto dos juros, ele mete no bolso.

Em depoimento à justiça, uma testemunha que foi acusada pelas práticas de desvio de recursos disse que quem participava do esquema eram o sindicalista, uma advogada, que tem sobrenome do cantor que é o inverso de maldito, e ainda uma vice-presidente que está na roça. 

Segundo o depoimento, os três trocavam os cheques de empréstimos na boca do caixa. Segundo uma estimativa prévia, o valor movimentado já chega a meio milhão de reais. Só com um agiota da cidade foram encontrados 5 cheques de R$ 25 mil reais cada um.

Tá explicado, dizem as más línguas, o porquê do patrimônio do sindicalista ter triplicado. Enquanto usa e abusa dos recursos do sindicato, o tal sindicalista, de quebra, ainda faz política e tenta chantagear o poder público municipal. Que coisa feia !!

Related Posts

Comentários